Trânsito

Caminhão bate em pedágio paulista, e marquise desaba

Parte da cobertura de uma praça de pedágio da rodovia dos Bandeirantes desabou na manhã desta sexta (3) na Grande São Paulo após a batida de um caminhão.
O acidente ocorreu no km 36, em Caieiras, no sentido capital da estrada, administrada pela concessionária AutoBAn.
Imagem de câmera mostra que a carreta se aproximou da praça de pedágio com parte de uma retroescavadeira deslocada para fora do veículo.
Ele atingiu uma coluna do posto na faixa destinada à passagem de veículos com cobrança eletrônica e derrubou parte da marquise.
A queda atingiu principalmente as faixas reservadas ao pedágio automático, por onde não passavam outros veículos –não houve feridos. Havia filas nas cabines com cobrança manual, mas a estrutura não desabou debaixo dessa área.
Segundo uma testemunha, outros motoristas e funcionários da concessionária tentaram avisar sobre a irregularidade ao condutor do caminhão, que não parou.
A Polícia Rodoviária isolou a área para perícia. Depois do acidente, pouco antes das 10h, a via registrou 2 km de lentidão, já que apenas algumas faixas da rodovia estavam liberadas no sentido da cidade de São Paulo. Para diminuir os congestionamentos, a AutoBAn desviou os carros no km 48 para a rodovia Anhanguera, que também liga o interior paulista à capital.
Em 2017, houve 824 acidentes em praças de pedágio nas rodovias estaduais paulistas, pouco mais de dois por dia, segundo a Artesp (agência paulista que regula concessões). Metade ocorreu nas praças automáticas, por onde passam 57% dos veículos.
Em 2018, até maio, houve 303 acidentes, sendo 152 em cabines manuais e 151 nas pistas de pedágio eletrônico.

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--