Quarta, 14 de Abril de 2021 04:20
45 99954 3000
Saúde Comportamento

Sabedoria pode combater solidão de idosos, aponta estudo

A pesquisa mediu os dados utilizando a Escala de Solidão determinada pela Universidade da California, e a Escala de Sabedoria apontada pela Universidade de San Diego.

01/03/2021 11h09 Atualizada há 1 mês
165
Por: Giovanna Trevelin Fonte: Vitor Paiva/Redação Hypeness
Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Entre os diversos fatores que podem afetar a saúde de uma pessoa com idade mais avançada, um dos fatores é pouco mencionado mas um dos mais perigosos agravantes na velhice: a solidão. Diversas pesquisas confirmam que as pessoas idosas que não conservam companhias ou conexões pessoais profundas correm maiores riscos de saúde – mas um novo estudo confirma uma correlação entre índices de sabedoria e a manutenção de relacionamentos. Em resumo, as pessoas mais sábias na velhice mantém mais conexões e contatos com outras pessoas: são menos sozinhas.

Realizado em parceria entre pesquisadores da Califórnia e da Itália, o novo estudo cruzou dados de pessoas de San Diego, na Califórnia, e de Cliento, na Itália, entre grupos de adultos entre 50 a 65 anos, e outros mais velhos, passados dos 90 anos. “Solidão sempre foi associada a uma saúde pior, um sono de pior qualidade e menos felicidade de modo geral, enquanto a medida contrária é notada no que diz respeito à sabedoria”, afirmou o Dr. Dilip Jeste, médico e cientista da UC San Diego School of Medicine e líder da pesquisa, que foi realizada em parceria com cientistas da University of Rome La Spaienza.

A pesquisa mediu os dados utilizando a Escala de Solidão determinada pela Universidade da California, e a Escala de Sabedoria apontada pela Universidade de San Diego. A sabedoria, no caso, é determinada por capacidades como empatia, compaixão, auto-crítica e regulação emocional, tendo a empatia e a compaixão determinadas como a mais forte relação inversa com a solidão: quanto maior for a compaixão, menor será a solidão.

“É incrível que as descobertas que correlacionam esses dois traços sejam tão similares mesmo em dois contextos culturais tão diferentes – uma região rural do sul da Itália e uma área urbana dos EUA, com línguas e históricos educacionais e socioeconômicos tão diferentes”, comentou Salvatore Di Somma, professor de medicina na U. Rome La Sapienza e outro líder da pesquisa. “Tanto a solidão quando a sabedoria são traços da personalidade, e a maioria dos traços de personalidade são em parte herdados e em parte moldados pelo contexto”, apontou Jeste. O estudo foi publicado na revista científica Aging and Mental Health em outubro de 2020 e, segundo Jeste, as conclusões levam ao próximo e fundamental passo: criar métodos eficazes para ampliar a compaixão e, assim, reduzir a solidão.

 

Leia também: Mês de março tem Dia da Mulher, início do outono e Dia da Água

 

Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Cafelândia - PR
Atualizado às 04h13 - Fonte: Climatempo
19°
Muitas nuvens

Mín. 18° Máx. 30°

19° Sensação
12.5 km/h Vento
85.9% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (15/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 30°

Sol com algumas nuvens
Sexta (16/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias