Quinta, 16 de Setembro de 2021
17°

Poucas nuvens

Cafelândia - PR

Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Comissão aprova projeto que exige divulgação na internet dos registros nacionais sobre multas e veículos

Proposta inclui determinação no Código de Trânsito Brasileiro; Detrans já disponibilizam essas informações

14/07/2021 às 19h37 Atualizada em 14/07/2021 às 21h07
Por: Da Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
Compartilhe:
Deputado Rodrigo Coelho, relator do projeto de lei - (Foto: Gustavo Sales/Câmara dos Deputados)
Deputado Rodrigo Coelho, relator do projeto de lei - (Foto: Gustavo Sales/Câmara dos Deputados)

A Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 1590/20, pelo qual as informações constantes no Registro Nacional de Carteiras de Habilitação (Renach) e no Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) deverão ser disponibilizadas na internet para consulta dos motoristas e dos proprietários de veículos.

O relator, deputado Rodrigo Coelho (PSB-SC), recomendou a aprovação. “As informações precisam ser divulgadas para que o cidadão tenha maior controle sobre os lançamentos feitos nos prontuários, principalmente com relação à pontuação pelas infrações e aos valores das multas”, comentou.

O Renach e o Renavam são bancos de dados mantidos pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). O primeiro reúne informações sobre multas e pontos na carteira de habilitação. O segundo, sobre os veículos que transitam nas ruas, como marca, modelo e tipo de uso.

O projeto é de autoria do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e altera o Código de Trânsito Brasileiro. Departamentos de trânsito (Detrans) nos estados e no Distrito Federal já disponibilizam na internet os registros sobre motoristas e veículos. A medida, no entanto, ainda não está prevista no Código de Trânsito.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias