Terça, 28 de Setembro de 2021
36°

Poucas nuvens

Cafelândia - PR

Geral Clima

Frio continua durante o final de semana

Veja a previsão completa!

31/07/2021 às 16h23 Atualizada em 31/07/2021 às 16h26
Por: Giovanna Trevelin Fonte: AGROLINK - Aline Merladete
Compartilhe:
foto: pixabay
foto: pixabay

No decorrer deste final de semana a tendência é que a massa de ar polar continue atuando sobre o país, com regiões ainda registrando temperaturas baixas e formação de geadas. No entanto, gradativamente o frio vai perdendo intensidade e migrando para o oceano. Mas, depois de um mês de Julho onde tivemos três entradas de massas de ar polar de forte intensidade, existe a previsão para que no mês de agosto tenhamos mais episódios de frio intenso como neste julho de 2021?

Vale ressaltar que estamos migrando para um novo período de La-Niña e climatologicamente em períodos de La-Niña temos uma maior frequência nos episódios de frio intenso. Por outro lado, o fator climático que ajudou a favorecer a incursão dessas massas de ar polar neste mês, foi a fase negativa da Oscilação Antártica. A fase negativa deste fenômeno favorece o avanço do ar do polo sul em direção às regiões mais centrais do continente sulamericano. 

No mês de Agosto ainda é comum termos a chegada de frentes frias e também a incursão de novas massas de ar polar. Portanto, podemos novamente ter episódios de geadas mas de maneira mais branda e restrita do que as deste mês de Julho. Mesmo porque, passando da fase negativa da Oscilação Antártica, estamos migrando para uma fase positiva que durará pelo menos todo o mês de Agosto de 2021. 

Outro fator que contribui para esta análise é que o modelo climático CFSv2 do centro norte americano NOAA mostra que na primeira semana de Agosto a média da temperatura ainda ficará abaixo da normal climatológica, no oeste da região norte, metade sul do centro-oeste , sudeste e região sul. E isso pode ser interpretado ainda como a influência dessa forte massa de ar polar. Já as previsões das próximas semanas, apontam para temperaturas acima da média na região central do país e dentro da normalidade nas demais regiões, com a possível chegada de uma nova frente fria na segunda semana do mês na região sul. 

Confira a Previsão para este Final de Semana

Sábado (31/07)

A massa de ar polar continuará atuando sobre o país, podendo novamente amanhecer com termômetros registrando temperaturas negativas entre o sul do PR, serra catarinense e serra gaúcha. Além de geadas amplas na região sul, pontos do estado de SP e de maneira mais intensa ao sul de MG. 

As temperaturas também estarão abaixo da média para o período no estado do MS, GO, MT, RO, AC e sul do AM. Porém as condições para formação de geadas ao sul do MS já são muito menores do que as registradas durante a semana. 

No período da tarde as temperaturas sobem de forma expressiva na região sul, ficando na casa dos 20°C no oeste do estado gaúcho. Ao norte do estado do MS faz calor, com os termômetros registrando temperaturas na ordem dos 30°C. 

Além do que, no período da tarde o tempo será muito seco, com regiões onde os índices de umidade relativa do ar, no horário mais crítico, poderão ficar abaixo dos 20%. E esta condição se estende até mesmo para o sul da região norte. 

As chuvas ficarão concentradas no extremo norte do país, sobretudo ao norte do AM, norte do PA, RR e AP. E também entre o litoral da BA ao litoral de PE, sob a influência do ramo remanescente da frente fria que atuou no decorrer da semana. 

No período da noite as temperaturas entram em declínio, especialmente no leste de MG, RJ, leste de SP e região sul, exceto no noroeste paranaense. 

Domingo (01/08)

O amanhecer novamente terá temperaturas baixas, porém menos rigorosas do que as registradas no sábado. No sul do estado do RS e sul de MG, especialmente nas áreas mais altas, poderão registrar um amanhecer na casa dos zero graus. 

Aliás, as condições para formação de geadas diminuem consideravelmente, ficando restritas apenas às regiões de serra dos estados de SC e RS e nos pontos mais altos do estado de MG.

Um dos fatores que contribuem para a diminuição da condição de geadas, é a aproximação de um sistema de baixa pressão durante a madrugada, sobre a região sul, que provocará uma maior cobertura de nuvens. Este sistema também provocará algumas pancadas de chuva entre o sul do PR e SC, mas os acumulados serão baixos. 

Ainda na região norte, as chuvas serão expressivas mas concentradas no extremo norte da região. E no litoral nordestino, a tendência é para que as chuvas se concentrem mais sobre os estados de SE, AL, PE, PB. 

O período da  noite será amena na região nordeste, isso porque a massa de ar polar está deslocada para o oceano e os ventos favorecem a incursão de frio pelo litoral nordestino adentrando o interior da região, deixando as temperaturas abaixo da média do período.

Confira a nossa plataforma de mapas em: https://www.agrolink.com.br/agrotempo/mapa

 

 

Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:
Facebook: https://www.facebook.com/jornalintegracaopr/
Instagram: https://www.instagram.com/jornalintegracaopr/
Telegram: https://t.me/jinte

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias