Quinta, 16 de Setembro de 2021
17°

Poucas nuvens

Cafelândia - PR

Agronews Copacol

Geadas do fim de julho castigam as lavouras de trigo

Com registros de geadas na região, as lavouras de trigo foram castigadas, com possíveis quebras de rendimento.

02/08/2021 às 15h38 Atualizada em 02/08/2021 às 15h44
Por: Giovanna Trevelin Fonte: Copacol
Compartilhe:
foto: Copacol
foto: Copacol

Com registros de geadas na região, principalmente as registradas no final do mês de julho, as lavouras de trigo foram castigadas, com possíveis quebras de rendimento.

“Ainda é cedo para se fazer estimativas de níveis de perdas, porque os sintomas demoram um pouco mais para ser observado, mas mesmo assim são possíveis de ver em algumas lavouras, espigas brancas, mas para se fazer uma avaliação mais precisa, temos que aguardar mais uma semana”, disse o engenheiro agrônomo, João Mauricio Roy, durante entrevista ao programa de rádio, Estação Copacol desta segunda-feira 02.

De acordo com ele, para que se possa realizar os manejos mais assertivos neste pós-geada, é importante que o produtor procure o seu engenheiro agrônomo para monitorar a área, e assim se certificar da real necessidade de manejo.

PLANTAS DANINHAS

Com a colheita de milho em andamento, e a aproximação da safra de verão, nas áreas onde já foram colhidos o milho é necessária uma atenção maior do produtor para os controles de plantas daninhas.

De acordo com João Mauricio, é observado um elevado fluxo de plantadas daninhas nessas áreas, inclusive na fase inicial de desenvolvimento, ocasião em que os herbicidas têm maior facilidade de controle.

“É necessário que os produtores façam a vistoria junto com o seu engenheiro agrônomo, e faça o posicionamento dos herbicidas, uma vez, na fase inicial é possível inserção de um pré emergente no sistema”, alerta João.

CORREÇÃO DE SOLO

Com a aproximação da semeadura da safra de soja na região, que pode acontecer em um período aproximado de 40 a 45 dias, é ideal que o produtor já possa ir se programando, principalmente com relação a correção de solo, como ajustes em controle de erosão, entre outros fatores que visam o preparo do solo que vai abrigar a próxima safra de verão na área de atuação da Cooperativa.

 

 

Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:
Facebook: https://www.facebook.com/jornalintegracaopr/
Instagram: https://www.instagram.com/jornalintegracaopr/
Telegram: https://t.me/jinte
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias