Terça, 30 de Novembro de 2021
29°

Tempo aberto

Cafelândia - PR

Agronews Parceria

Copacol desenvolve projeto de biogás juntamente com a alemã Archea

A implantação de biodigestores para produção de biogás pode-se configurar com uma alternativa viável e que auxilia o ciclo de produção e consumo

17/11/2021 às 16h20 Atualizada em 17/11/2021 às 16h40
Por: Maria Luiza Pinotti Fonte: Da Assessoria
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

Promover a gestão adequada dos resíduos e efluentes gerados nos processos produtivos é um dos maiores desafios enfrentados pelo sistema integrado de produção animal da Copacol.

A implantação de biodigestores para produção de biogás pode-se configurar com uma alternativa viável e que auxilia o ciclo de produção e consumo, promovendo um retorno dos resíduos orgânicos à cadeia produtiva, transformando passivos ambientais em receitas para a empresa.

Na UPL (Unidade de Produção de Leitões) do distrito de Carajá, em Jesuítas, a Copacol em parceria com a empresa, Archea Biogás, está implementando um projeto para geração de energia elétrica através do biogás, produzidos a partir dos dejetos dos animais e de resíduos provenientes das plantas de abate de aves. A Archea é a empresa responsável pela execução do projeto e instalação dos equipamentos que irão possibilitar a geração do biogás.

Com a implantação deste sistema, a Copacol melhora a qualidade do processo de tratamento dos dejetos, reduz custos com a destinação dos resíduos da indústria e ao mesmo tempo gera energia elétrica limpa e barata, tornando a Unidade energeticamente independente. O excedente será fornecido para atender em 80% do consumo da Unidade do CD (Centro de Distribuição), na comunidade da Penha em Corbélia.

Para consolidar ainda mais a parceria entre ambas partes, Copacol e Archea, os representantes da empresa parceira, cuja sede está localizada na Alemanha, Oliver Nacke presidente, Thomas Winter sócio da Archea e o diretor Erik Resler, além de fazer uma vistoria no local onde está sendo desenvolvido o projeto, foram recepcionados pela diretoria executiva da Cooperativa na sede em Cafelândia. O encontro se deu na manhã dessa terça-feira 16 e fortaleceu ainda a parceria entre as partes.

O engenheiro eletricista da Copacol, responsável pelo projeto, André Valença, disse que além de estreitar o relacionamento e fortalecer a parceria, o encontro foi pautado na apresentação da importância estratégica do projeto para a Cooperativa. “Esse projeto está sendo estudado há aproximadamente dois anos, hoje ele já chega a 40% de sua execução, com perspectivas que até final do primeiro semestre de 2022 já esteja gerando energia e receita para a Cooperativa”, explica.

De acordo o diretor da Archea no Brasil, Erik Resler, o encontro com a diretoria da Copacol que era para ter acontecido antes, só não possível devido a pandemia, mas nesta ocasião, além de se conhecerem, foi apresentada todas as condições para a execução do projeto.

“Os alemães ficaram entusiasmados com o tamanho da Copacol e a sua forma de atuar, uma vez que, na Alemanha não é comum esse tipo de cooperação. Além disso, temos em andamento mais oito projetos no Brasil. Esse que estamos executando na Copacol tem um tamanho diferenciado e para nós é um muito importante porque esse modelo poderá abrir mercados. Foi muito valiosa a nossa visita, tanto na obra, onde pudemos verificar o andamento dos trabalhos, como no encontro com a diretoria, no qual tivemos oportunidade de conhecer e trocar informações sobre o sistema de energia gerada a partir do biogás”, destaca Erik.

 

Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:

Facebook: https://www.facebook.com/jornalintegracaopr/

Instagram: https://www.instagram.com/jornalintegracaopr/

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias