Sexta, 15 de Outubro de 2021
20°

Chuva

Cafelândia - PR

Variedade Foz do Iguaçu

Turismo de Itaipu se prepara, de forma segura, para o Ano Novo

O Complexo Turístico Itaipu vai reforçar o atendimento no feriadão, já que a expectativa é de três dias de movimento intenso.

30/12/2020 às 17h14 Atualizada em 30/12/2020 às 17h20
Por: Giovanna Trevelin Fonte: Itaipu Binacional
Compartilhe:
Turistas no Mirante Central. Foto: Kiko Sierich/PTI.
Turistas no Mirante Central. Foto: Kiko Sierich/PTI.

O turismo de Itaipu espera receber quase 6 mil pessoas no feriadão de Ano-Novo – sexta-feira, sábado e domingo, dias 1º, 2 e 3, respectivamente. Gente de todas as partes do Brasil que, a exemplo do feriado de Natal, vem conhecer as atrações turísticas de Foz do Iguaçu. O Destino Iguaçu é reconhecido como um dos mais seguros para os visitantes.

Em Itaipu, a principal novidade está no atendimento: um barrageiro "virtual" dará as boas-vindas aos visitantes, no Mirante Central da usina. A iniciativa retoma a atividade com os Monitores Barrageiros, profissionais que atuaram na construção da usina e que, antes da pandemia, tinham voltado à ativa como monitores do Complexo Turístico Itaipu (CTI). 

Agora, dois barrageiros, com mais de 60 anos de idade, vão se revezar no atendimento virtual, contando seus causos e levando os visitantes à mais incrível experiência que um monitor pode oferecer. A medida é para resguardar os trabalhadores, que fazem parte de grupo de risco, sem prejudicar a visita, oferecida com todas as normas de segurança sanitária, como uso obrigatório de máscaras, distanciamento social e distribuição de álcool em gel, entre outros cuidados.
 
O gerente do Complexo Turístico Itaipu, Yuri Benites, explica que “o Monitor Barrageiro é o resgate histórico do desafio de construir a grande obra que é Itaipu”. “Desde o início do projeto, a ideia foi colocar homens que trabalharam na construção da usina para atendimento aos visitantes do mundo todo. A experiência de ouvir seus causos e as curiosidades da época é um dos pontos altos da visitação”, afirma.
 
E completa: "Trazê-los de volta à atividade, utilizando a tecnologia, é uma forma de garantir a segurança e a entrega de uma experiência inesquecível, a do contato com quem fez e faz parte desta grande obra". Segundo ele, o barrageiro vai ficar numa sala, isolado, e de lá conta suas histórias e interage com o público, por meio de um monitor acoplado a um totem no Mirante Central (foto).
 
A retomada da atividade turística em Foz vem ocorrendo desde julho, quando Itaipu e parceiros lançaram a campanha Vem para Foz. Para isso, o destino se preparou, adequando estruturas, treinando pessoal e procurando aliar a preservação da saúde e dos empregos. A atividade, principal carro-chefe da economia de Foz, foi uma das mais afetadas pela pandemia. “Com inovação, criatividade e zelo, mostramos ao mundo que é possível oferecer um turismo seguro para nossa gente”, diz o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna.
 
Natal
 
No feriadão de Natal - sexta-feira, sábado e domingo, 25, 26, 27, respectivamente –, o turismo de Itaipu recebeu a visita de 4.463 pessoas. O número surpreendeu, para um período de pandemia. A retomada da atividade ainda é tímida, mas anima bastante o setor.
 
Turistas embarcam no ônibus de turismo fazendo uso de álcool em gel, no Centro de Recepção de Visitantes da Margem Esquerda da Itaipu Binacional.
Embarque de turistas no CRV. Foto: Kiko Sierich/Itaipu Binacional.
 
Nas Cataratas do Iguaçu, principal atração turística da fronteira, no mesmo período, passaram pelo local 12.549 visitantes. Nos dois lugares, a visitação foi maior do que a metade do total registrado no mesmo período do ano passado. “Um bom termômetro que mostra que, quando nos preparamos bem, o retorno acontece", destaca Silva e Luna.
 
O Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (Sindhotéis) estima que a ocupação média da rede hoteleira será de 54,3% para o Réveillon. O turismo emprega, direta e indiretamente, profissionais das mais variadas áreas, como camareiras, taxistas e motoristas de aplicativos, guias de turismo, garçons e outros.
 
Estimativa e reforço
 
O Complexo Turístico Itaipu vai reforçar o atendimento no feriadão, já que a expectativa é de três dias de movimento intenso. Para a sexta-feira são esperadas mais de 1.900 pessoas. No sábado, deve ser esse mesmo número; no domingo, mais 1.800 pessoas.
 
O passeio Itaipu Panorâmica, o mais procurado pelos turistas, terá saídas a cada 15 minutos, das 8h30 às 17h30. Em dias normais, as visitas ocorrem de hora em hora. O Refúgio Biológico Bela Vista também terá mais saídas (serão oito por dia) e o Ecomuseu atenderá das 10h às 18h, com várias atividades, como Ciência na Esfera, a exposição “Asas da memória – Santos Dumont na Terra das Cataratas” e a Expedição do Conhecimento.
 
 
Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias