Quarta, 22 de Setembro de 2021
24°

Poucas nuvens

Cafelândia - PR

Justiça Direitos humanos

PCPR conclui inquérito de feminicídio em Curitiba e indicia dois responsáveis pelo crime

Dois homens, sendo um deles o ex-marido da vítima, foram presos no dia 24 de junho.

05/07/2021 às 17h18 Atualizada em 05/07/2021 às 17h21
Por: Giovanna Trevelin Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
© Polícia Civil do Paraná
© Polícia Civil do Paraná

A Polícia Civil concluiu nesta segunda-feira (5) o inquérito policial do feminicídio de Ana Paula Campestrini, ocorrido no dia 22 de junho, no bairro Santa Cândida, em Curitiba.

Dois homens, sendo um deles o ex-marido da vítima, foram presos no dia 24 de junho. A Polícia Civil conseguiu na Justiça a conversão da prisão temporária dos indivíduos em prisão preventiva. Um dos homens é responsável por ser o mandante do crime, o outro é apontado como autor dos disparos.

O atirador será indiciado por homicídio qualificado mediante pagamento, motivo torpe, meio cruel, emboscada e impossibilidade de defesa da vítima. O mandante foi indiciado com a qualificadora de feminicídio.

Durante as investigações, a Polícia ouviu testemunhas e analisou imagens de câmeras de segurança para identificar os envolvidos no feminicídio. Também foi apurado que a vítima tinha problemas com o ex-marido na divisão dos bens, guarda dos filhos e outros assuntos pessoais. Além disso, o suspeito não aceitava o fato da ex-mulher ter pedido a separação para ter um relacionamento homoafetivo.

CRIME

Na ocasião do crime, a vítima foi induzida a ir até um clube recreativo fazer a carteirinha para ter acesso aos treinos dos filhos na unidade. Depois que saiu foi perseguida pelo atirador até a entrada do condomínio onde morava. Chegando na residência, foi abordada pelo homem que a perseguiu em uma motocicleta. Quando Ana Paula abaixou o vidro do carro, o suspeito atirou aproximadamente 14 vezes contra ela.

Os homens foram presos 48h depois do crime. Na ocasião, os policiais civis cumpriram cinco ordens de buscas em endereços relacionados aos suspeitos, onde foram apreendidos documentos e aparelhos eletrônicos.

 

 

Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:
Facebook: https://www.facebook.com/jornalintegracaopr/
Instagram: https://www.instagram.com/jornalintegracaopr/
Telegram: https://t.me/jinte

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias